Pare de fingir

Todos os dias nós fingimos alguma coisa. Um sorriso social, uma dor que esconde. Uma lágrima que quer descer. Todos os dias fingimos. Fingimos gostar, fingimos amar, fingimos querer e fingimos não querer. Quanto isso é bom? O quanto isso tem te evoluído? Vale a pena carregar essa pose de durão? Você sente vergonha de você mesmo, é isso? Você é aquilo que, socialmente, detesta? Isso não te assusta? Então pare de fingir.


Comentários

Mais acessados da semana: